this is an h1

this is an h2

Mercado e Vendas | NEGÓCIOS DIGITAIS
Canais digitais para a promoção de pequenos negócios

Conheça as mídias, ferramentas e sites que podem ajudar o seu negócio a vender mais e melhor.

· 14/03/2016 · Atualizado em 27/07/2022
Imagem de destaque

Dirigentes de pequenos negócios têm nível de acesso à internet bem superior à média nacional, segundo pesquisa realizada pelo Sebrae junto a empresários de pequenos negócios do Brasil. A proporção de empresários que usam tecnologia é de 92%, contra 59% da população em geral.

A parte ruim é que apenas 42% dos empresários entrevistados responderam que usam a internet para divulgação do seu negócio. Além disso, apenas um terço possui presença digital, ou seja, usam um endereço de site, páginas de outros sites ou redes sociais. O resultado foi que apenas 27% das empresas utilizam o apoio da internet nas suas vendas.

Outros dados do Sebrae informam que, das empresas que fazem vendas pela internet, o uso de canais digitais se concentra em buscadores com anúncios de links patrocinados ou em divulgação em páginas de redes sociais, como o Facebook. Outra informação é que 18% das empresas que vendem na internet já usam o WhatsApp para tal fim.

Oportunidades de negócios

As vendas na internet vão na contramão do momento de estagnação econômica que o Brasil enfrenta. Segundo a E-bit, em 2017, o crescimento das vendas via internet, apenas por canais do e-commerce, como lojas virtuais, foi 7,5% maior que o resultado de 2016, um mercado de quase R$ 50 bilhões na época. 

Já em 2020, com a pandemia de Covid-19, estima-se que cerca de 5,7 milhões de consumidores entraram no mercado digital.        

Com esse cenário e para incentivar os pequenos negócios no uso da internet como ferramenta de apoio à comercialização de produtos e serviços, esse estudo tem o objetivo de mapear canais digitais e redes sociais que podem ajudar as empresas a vender mais.

Inteligência de mercado

Confira abaixo alguns canais digitais para promover os pequenos negócios:

WhatsApp

A maior vantagem desse canal é a velocidade da comunicação multimídia do conteúdo. Se o seu tipo de negócio exige uma comunicação veloz, o WhatsApp pode ser um aliado.

Mercado Livre

O site é um comércio eletrônico, ou um marketplace, que promove a venda de produtos e serviços de múltiplos segmentos do varejo por meio de anúncios. A plataforma, que lidera esse modelo de negócios no país, atua agregando serviços, a exemplo do pagamento on-line.

Buscapé

Os comparadores de preços favorecem os pequenos negócios, já que expõem os produtos para consumidores em busca de informações específicas e oferecem condições para que decidam suas compras imediatamente. O Buscapé, além de ser um marketplace, é líder absoluto no serviço de pesquisa de preço no Brasil e na América Latina.

Elo7

O marketplace de nicho é uma plataforma de e-commerce que agrega produtos e serviços participantes de um mesmo segmento. A Elo7, ao atuar com foco na economia criativa, reúne artesãos, artistas, designers, cooperativas e associações para que negociem diretamente com consumidores na internet. 

OLX

Esse é um típico canal de comércio eletrônico voltado para classificados on-line, que atua simplificando e acelerando a negociação em uma ampla variedade de categorias de produtos e serviços. A OLX é líder nesse segmento e, gratuitamente, ajuda os pequenos negócios a alavancar suas vendas. 

Alibaba

E-commerce B2B são plataformas nas quais indústrias, atacadistas ou importadoras comercializam seus produtos e serviços para lojistas e distribuidoras. O Alibaba, líder mundial nesse segmento, atua promovendo a troca de informações entre compradores e fornecedores para negociações locais e internacionais. 

Comprasnet

O Comprasnet é o portal de licitações e contratações do Governo Federal, por meio do qual são realizados os processos eletrônicos de aquisição.

WordPress

Os blogs favorecem a estratégia de relacionamento com o mercado, pois contribuem para a decisão de compra dos consumidores por meio de seus conteúdos. O WordPress, líder mundial entre as plataformas para a criação e gestão desses canais, inclui layouts prontos e serviço de hospedagem, além de recursos para criação de e-commerce dentro de blogs.  

Yelp

As redes de geolocalização divulgam os pequenos negócios locais, rastreando a localização do usuário para informá-lo sobre os estabelecimentos das redondezas e também mostrar-lhe as opiniões de outros consumidores a respeito daqueles lugares. O Yelp faz essa conexão, oferecendo insumos para decisões de compras, a partir de comentários, dicas, check-ins e atributos aos negócios.

Twitter

O Twitter é uma rede social impulsionada por conversas instantâneas. No mundo, são mais de mais de meio bilhão de perfis inscritos, dos quais 336 milhões são ativos mensalmente. No Brasil, mais de 41 milhões de perfis posicionam o país como o segundo maior do mundo em número de usuários nessa plataforma. 

TripAdvisor

As plataformas de recomendação representam um canal de forte prospecção de clientes. Algumas são especializadas em determinados setores, como o TripAdvisor que, focado no turismo, possibilita a seus usuários planejar e reservar viagens, além de fazer avaliações sobre suas experiências ao redor do mundo.

Skype

O Skype é líder mundial no fornecimento de serviços de VoIP e seu aplicativo pode ser usado em computadores, celulares, smart TVs e consoles de videogames. 

LinkedIn

As redes sociais profissionais são ambientes que também se revelam promissores para a presença dos pequenos negócios, e os brasileiros têm forte participação no LinkedIn.

Google Ads

O Ads é uma das redes mais usadas no mundo e, através de seu sistema, os anunciantes definem orçamentos, campanhas e grupos de anúncios para aparecer na rede de pesquisa e/ou na rede de display do Google e de seus parceiros. 

Facebook

Além de oferecer um marketplace, é fundamental compreender a importância dessa rede social para os pequenos negócios, seu perfil de conteúdo e os tipos de empresas e profissionais mais beneficiados com a ferramenta. 

Fábrica de Aplicativos

A Fábrica de Aplicativos é uma plataforma em que os pequenos negócios podem criar um app próprio, sem necessidade de saber sobre programação. 

Google Meu Negócio

Google Meu Negócio é uma solução do Google para negócios que reúne, em um único lugar, diversas opções para publicidade eletrônica e gerenciamento de presença digital.

YouTube

O YouTube é a rede pioneira de compartilhamento de vídeos no mundo e também pode ser identificada como parte das redes sociais. As empresas podem usá-lo para divulgar informações do negócio de forma gratuita ou por meio de vídeos patrocinados.

Instagram

O Instagram é a rede social mais popular da atualidade. Instalado em celulares com acesso à internet, ele permite postagens públicas, privadas ou diretas, além do compartilhamento em múltiplas plataformas. 

Submarino, Americanas.com e Shoptime

No modelo de marketplace, grandes lojas virtuais permitem que outros varejistas utilizem sua estrutura para aumentar o alcance de seus produtos e vender mais. 

Para saber mais, leia os textos a seguir:

Primeiros passos para sua empresa ter presença digital

Prepare-se para o digital e use a internet a favor do seu negócio


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora