this is an h1

this is an h2

Fri Feb 17 19:57:38 BRT 2023
Empreendedorismo | EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA
O que é branding gastronômico?

Saiba mais sobre a estratégia usada para conquistar a mente e o coração dos consumidores pela marca: o branding.

· 14/02/2023 · Atualizado em 17/02/2023
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

O branding é uma estratégia usada para criar sensações e conexões - sejam elas  conscientes ou inconscientes - fundamentais para o cliente decidir pela sua marca no momento da compra, ou seja, é usada para fortalecê-la e leva em consideração tudo o que compõe a identidade/personalidade da marca: a criação de um logotipo, escolha da fonte, discurso, tom de voz, valores da empresa, jingles, pessoas que irão representar.

Na gastronomia, não poderia ser diferente! O branding atua de forma a estimular a presença da marca na mente do consumidor por meio de percepções e sensações, criando memórias e conexões entre ele e a marca. A estratégia ajuda na conquista de clientes novos e na fidelização dos consumidores que já costumam frequentar o local, de modo que a marca deve ser lembrada sempre de forma positiva.

O branding gastronômico utiliza-se de ações de marketing, práticas e iniciativas desenvolvidas para:

  • criar conexão entre restaurante e público-alvo;
  • divulgar os diferenciais do estabelecimento;
  • agregar valor à marca;
  • trabalhar a imagem e reputação tanto no atendimento presencial quanto no on-line; 
  • despertar sensações e emoções positivas para que os clientes admirem o trabalho feito no estabelecimento;
  • melhorar os processos internos e externos do seu negócio;
  • facilitar o processo de conversão;
  • fidelizar os clientes.

Os resultados da estratégia são sentidos a médio e longo prazo, daí a importância de contar com pessoal especializado para trabalhar na definição e no desenvolvimento das ações. É fundamental, por exemplo, realizar pesquisas de satisfação com os clientes e começar com mudanças em processos internos, desde o preparo e apresentação dos pratos, passando pelo atendimento, para depois pensar nos processos externos, ou seja, aquilo que os clientes vão enxergar. Assim, para utilizar o branding:

  • tenha bastante clareza da missão, visão e dos valores da empresa/marca;
  • fortaleça a cultura organizacional: segurança alimentar, atendimento, qualidade, produtividade são conceitos importantes a serem trabalhados com toda a equipe;
  • crie uma identidade visual: pense no logotipo, fontes e cores, estilos de fotos, informativos, publicações, uniformes, enfim, todos os elementos usados a favor da fixação da marca na mente do consumidor;
  • marque presença tanto física quanto virtual: redes sociais, blog, site, aplicativos, entre outras possibilidades devem ser usadas para posicionar a marca diante do público. Lembre-se de que esse é um mercado competitivo;
  • faça promoções.

O branding é o resultado daquilo em que o dono acredita. Toda a história da empresa deve ser apreendida pela equipe e a comunicação tem que ser a mesma de ponta a ponta. Não adianta querer fazer o branding, falar uma coisa e fazer outra. Tudo isso está relacionado com postura, ética, valores, enfim, é a construção sólida de uma marca e precisa passar exatamente essa impressão não só para os clientes, mas para toda a equipe. Disciplina e dedicação precisam andar bem juntas nesse processo.

Entre em contato com o Sebrae, que está sempre de olho nas inovações e tendências que podem ajudar no seu negócio.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora