this is an h1

this is an h2

Mon Aug 08 01:42:49 BRT 2022
Inovação | SISTEMAS DE COMÉRCIO ELETRÔNICO
Live commerce é uma boa estratégia para vendas on-line

O live commerce é um modo de vendas on-line, realizado em um eventos onde as marcas apresentam os produtos e incentivam a compra durante a transmissão ao vivo.

· 20/07/2022 · Atualizado em 08/08/2022
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

Os empreendedores tiveram que ser criativos e encontrar novas saídas para os seus negócios em tempos de pandemia. Desde o início da disseminação da covid-19, no primeiro trimestre de 2020, as estratégias de vendas pela internet ganharam força e se tornaram o principal alvo para a sobrevivência das empresas. E entre as principais ferramentas que surgiram neste período está o live commerce.

O live commerce é uma modalidade de vendas feita pela transmissão on-line, uma estratégia de comércio ao vivo, realizada em um evento onde as marcas apresentam os produtos e seus benefícios, incentivando o consumidor a comprar durante a transmissão ao vivo, as conhecidas lives. Seu formato lembra, por vezes, os programas de auditório que se costumava ver na televisão, que tinham os momentos dedicados à promoção de alguns produtos patrocinadores da atração. 

As lives foram as grandes alternativas de entretenimento para milhões de brasileiros que tiveram que ficar em casa por conta das regras de restrição de circulação, como forma de prevenção contra o coronavírus. E muitas apresentações tiveram milhões de visualizações, fenômeno que chamou a atenção de diversas marcas e empresas. Elas costumam ser realizadas com a presença de alguma personalidade que é querida pelo público-alvo da marca ou do produto. Pode ser um artista, um músico ou um influenciador, que ajuda a dar maior credibilidade e visibilidade para as informações transmitidas.

E nesse planejamento de explorar essa ferramenta é importante destacar que a interação com a audiência acontece por meio do streaming, que pode ser pelas redes sociais da própria empresa, no seu canal no YouTube, no site, entre outros meios. Por isso, é necessário ressaltar que o investimento nos canais digitais é fundamental para o empreendedor.

Porém, para que haja audiência para comprar é preciso adotar boas estratégias, como a escolha correta desses canais e a divulgação eficiente a fim de alcançar mais consumidores. O Sebrae destaca as melhores alternativas para o sucesso das vendas on-line no curso: Marketing digital: planejar para vender pela Internet

Estima-se que, desde 2017, o live commerce esteja presente na Ásia, principalmente na China, e ano após ano essa estratégia tem garantido resultados de vendas expressivos. De acordo com pesquisa divulgada no Think With, do Google, 70% dos brasileiros conectados já compraram algo que viram em um vídeo no YouTube, e mais da metade das pessoas que assistem a vídeos sobre algum produto ou serviço ficam mais interessadas em conhecer o que viram.

Vale frisar que no live commerce o consumidor tem a oportunidade de tirar dúvidas ao vivo, e isso aproxima ainda mais a marca do seu cliente final. Isso porque o empreendedor tem uma forma direta de interagir e destacar certas características do produto para o público geral. E, além de ampliar as oportunidades de venda com agilidade, a marca reforça sua imagem durante essa interação.

Outro diferencial deste canal é que durante uma live, o empresário pode realizar a distribuição de cupons de descontos e lançar promoções exclusivas para os participantes do evento. Ou seja, consegue oferecer uma experiência mais personalizada, o que pode se tornar uma ótima estratégia para conversão de potenciais clientes em clientes, assim como para fidelizar os que já compram da sua marca. Outra vantagem da live é que o cliente consegue conciliar os benefícios de comprar pela internet com a demonstração do produto ao vivo.

FAVORITAR
Botão favoritar
Desafios

Entre os principais desafios para o empreendedor que pretende realizar um live commerce também estão: roteiro, apresentação, cenário e estrutura. Essa ideia de realizar uma live deve ser seguida de um bom plano de comunicação, verbal e visual. 

O primeiro passo é preparar um bom roteiro, com um conteúdo assertivo, linguagem fluida e acessível e que traga informações relevantes e únicas sobre o produto e/ou serviço.

É importante investir em um bom apresentador, uma pessoa com carisma, didática, que tenha desenvoltura, costume com câmeras e público, além de conseguir sair-se bem em situações inusitadas e imprevistas. Não basta apenas que ele seja uma pessoa conhecida do seu público. Isso porque o sucesso do evento está ligado ao poder da figura do apresentador, que deverá segurar uma audiência por uma hora, que é o tempo médio de duração.

E, na parte visual, é necessário investir na criação de um cenário personalizado com elementos que atraiam o seu público e remetam à sua marca. É interessante que o apresentador ajude a compor essa identidade visual. Questões de estrutura também são importantes, como isolamento acústico e equipamentos profissionais de iluminação, sonorização e captação de imagem.

Também faz parte do sucesso do live commerce o investimento em uma equipe profissional de streaming para direção de cenas. Eles também disponibilizam profissionais da área de TI, para garantir a qualidade do serviço e a segurança das informações transmitidas.

Está convencido das vantagens do live commerce para o seu negócio? Quer incluir a estratégia no seu planejamento?

Então, veja algumas dicas do Sebrae para estruturar seu live commerce. 


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora