this is an h1

this is an h2

Sat May 20 15:22:06 BRT 2023
Inovação | STARTUP
Operação: os primeiros resultados do investimento em uma startup

A partir do momento em que se formaliza, o empresário começa a encarar a realidade do mercado.

· 10/09/2015 · Atualizado em 20/05/2023
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

O que é

Depois de passar pela curiosidade e pela ideação de uma startup, o empresário entra na fase de operação, quando conquista seu CNPJ e a empresa passa a existir formalmente.

Tendo vencido obstáculos e obtido conhecimento sobre mercado e gestão, ele deixa de ser considerado um iniciante e passa a ser um fundador.

Na fase de operação, em inglês early stage, o empreendedor já conseguiu validar seu  Mínimo Produto Viável, ou MPV, e conseguiu chegar a uma versão oficial de sua solução.
Mas o empresário ainda encontra algumas dificuldades e precisa continuar buscando meios inovadores para se destacar no mercado e conquistar clientes.

Dedicação e visão estratégica

Mais uma vez, é preciso bastante motivação para não desistir do projeto, pois, pela primeira vez, estará lidando de maneira prática e não mais teórica com as dificuldades do empreendedorismo. O momento é de aprender, portanto, dedicação e visão estratégica são essenciais nessa etapa.

Características

Em operação, a empresa começa a vender e colocar em prática suas estratégias de marketing e vendas. Nesse momento, é preciso que o suporte e atendimento estejam em pleno funcionamento para garantir uma boa experiência ao cliente.

Essa fase ainda permite que a empresa teste seu potencial e suas limitações, sendo bastante voláteis.

O objetivo desses testes é ser validado pelo cliente, por isso, é importante conhecer bem o seu público-alvo, pois ele ditará os rumos e as mudanças (pivots) pelas quais sua startup deverá passar até se tornar um empreendimento de sucesso.

Como está no início, é possível ainda mudar a equipe, rever estratégias, propor novos serviços ou produtos e até mesmo traçar novos objetivos para seu negócio.

As ideias tidas em outras etapas são desenvolvidas, e a resposta dos clientes chega para ajudar a identificar erros e acertos, além de apontar novos caminhos.

É hora de saber se o que você oferece corresponde aos objetivos que você havia traçado.

Desafios

Na fase de operação, o empresário começa a se deparar com as diversas dificuldades do mundo empresarial, algumas já previstas no momento da ideação, especialmente em relação à gestão em recursos humanos, gestão financeira e de materiais.

É fundamental ter atenção à gestão financeira, pois pode levar tempo até que o negócio obtenha lucro. Também é nessa fase que muitas startups recebem aportes de investidores que esperam retornos em longo prazo, por essa razão é ainda mais importante entender e saber demonstrar o potencial do seu negócio em números.

Recomenda-se a utilização de metodologias ágeis para ajudar na otimização dos processos, melhoria da qualidade e qualidade das entregas.

A partir de agora, você deve concentrar-se em:

  • Aperfeiçoar suas estratégias: o planejamento inicial deu certo, mas para se manter no mercado é importante estar sempre buscando novas maneiras de aparecer para o consumidor;
  • Formar uma equipe: profissionais qualificados são essenciais para o sucesso da empresa;
  • Traçar estratégias de marketing: saber divulgar sua marca é importante para conquistar novos clientes;
  • Organizar o financeiro: entender a parte financeira da empresa;
  • Desenvolver a gestão e liderança: o empresário precisa ter habilidade para liderar uma equipe.

Saiba mais

Confira nosso artigo sobre Qual a melhor forma de atrair investimentos para sua startup.

Clique aqui e veja por que você deve pivotar sua startup.

FAVORITAR
Botão favoritar

 

Participe das comunidades temáticas Sebrae no Telegram.



O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora