this is an h1

this is an h2

Wed Jul 20 02:51:04 BRT 2022
Mercado e Vendas | ANÁLISE DE TENDÊNCIA
Turismo no inverno: aproveite o charme da estação para ter renda extra

A estação mais fria do ano aquece as vendas em toda a cadeia produtiva do turismo, de norte a sul do país, fomentando o empreendedorismo regional.

· 30/06/2022 · Atualizado em 20/07/2022
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

O inverno é uma época de ouro para incrementar ou começar um negócio de produtos ou serviços nas inúmeras localidades Brasil afora procuradas por turistas; em especial no mês de julho, que também é um período de férias escolares. Aproveite a estação mais fria do ano para gerar renda! Basta, para isso, usar a criatividade e colocar a mão na massa. Ajudamos você com algumas boas ideias já postas em prática, com sucesso, por vários empreendedores.

Há oportunidades em vários setores. Procure enfatizar produtos e serviços que são ainda mais procurados pelos visitantes nesta época de baixas temperaturas. Conquiste uma renda extra, seja em Gramado e Canela (RS), São Joaquim (SC), Campos do Jordão (SP), Petrópolis e Visconde de Mauá (RJ), São Lourenço (MG), Baturité e Guaramiranga (CE) ou em outras tantas cidades brasileiras.

Lembre-se: turistas estão sempre ávidos para experimentar, comprar, consumir e gastar! Cafeterias, chocolaterias, queijarias, lojinhas que vendem produtos locais (mel, própolis e biscoitos), serviço de guias e passeios turísticos, aluguel de carros; tudo isso pode gerar bons lucros se você oferecer produtos e serviços de qualidade ou mesmo ítens diferenciados, inovadores, como por exemplo, aquele chocolate quente com rum ou Chá Latte em sua cafeteria ou lanchonete.

Outra ideia lucrativa: se a sua casa é grande, que tal transformá-la em um charmoso restaurante nos finais de semana, oferecendo pratos típicos da região? Ou abrir uma glamourosa pousada em uma área bonita da cidade, tendo como atrativo um farto café da manhã com produtos de sua terra? E, se mora no campo, você pode investir também no turismo rural, agendando visitas guiadas à sua propriedade.

Dá para atrair todo tipo de turista, dos mais abonados à classe média. Pense na possibilidade de oferecer algo para eles. Exemplos não faltam. Muitos vêm aumentando seus lucros abrindo as porteiras de seus sítios e fazendas e oferecendo uma infraestrutura completa de lazer. Outras propriedades, mais modestas, não ficam atrás.

Se é o seu caso, saiba que já existem proprietários oferecendo aos turistas ótimas experiências da vida no campo, com visitas à pastagens, galinheiros, viveiros de pássaros e que também oferecerem degustação de queijos, compotas e/ou refeição com alimentos da própria horta, servidos no fogão a lenha. Tudo isso atrai visitantes.

Dá para ganhar dinheiro também em diversos outros setores que se beneficiam do clima frio. Veja só:

- Venda de sopas, caldos, massas, canjicas, doces regionais: Para incrementar o lucro de seu bar ou restaurante, que tal incluir no cardápio sopinhas e cremes saborosos para aquecer o estômago e o coração dos clientes? Se você ainda não tem seu próprio negócio, já pode se animar!

Quem resiste a um caldo verde, a um creme de aipim com carne seca, em um dia frio? Você pode até criar um festival de sopas no seu estabelecimento! Um fondue ou uma boa massa também caem muito bem; além de quitutes como canjica, cocada, cuscuz, doces... Vale investir. E mesmo que não tenha um ponto fixo, pode vender em feiras regionais. Receitas saborosas estão à disposição na internet. Trabalhando bem, você pode ter lucros fabulosos.

- Artesanato: os artesãos autônomos também lucram mais nesta estação. É a chance de comercializar artigos manufaturados à mão, como roupas de lã, crochê ou tricô, muito procurados por turistas. Incremente a produção das peças e ocupe os espaços públicos para vender.

- Comercialização de vinhos, licores e destilados: em muitas localidades do país aumentam a cada ano a produção e venda de vinhos, tal como vemos na Serra Gaúcha, Planalto Catarinense, Vale do São Francisco.

Além das cachaças, a exemplo do que acontece em Paraty (RJ), Salinas, Betim (MG), Cidade de Areia (PB), Castelo do Piauí (PI) e outras tantas cidades; sem falar na produção de licores artesanais. Você pode investir no negócio ou pode também abrir uma lojinha especializada na venda desses produtos regionais.  

São muitas opções. Não perca tempo! A temperatura esfria e os negócios esquentam!

Conte sempre com as orientações do Sebraepara tornar realidade seus sonhos de empreendedor.

FAVORITAR
Botão favoritar
Telegram

 Participe você também, acompanhe as notícias
e dicas para sua área de atuação.

Confira abaixo os canais já existentes no Telegram: 


 Sebrae Turismo

https://t.me/sebraeturismo


 


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora