this is an h1

this is an h2

Thu Jan 04 16:37:11 BRT 2024
Finanças | CONTROLE FINANCEIRO
Como fazer um demonstrativo de resultados

O que é DRE – Demonstrativo de Resultados do Exercício. A DRE é uma ferramenta que permite apurar o resultado financeiro da empresa em um período.

Logotipo do Sebrae

George Wagner

· 22/11/2017 · Atualizado em 04/01/2024
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

O que é o DRE e qual a sua finalidade?

 

O DRE é uma ferramenta que permite calcular o desempenho financeiro da empresa em um determinado período, seja mensal ou anual, para determinar se houve lucro ou prejuízo.

Para fins de divulgação legal, ele engloba o período correspondente ao ano fiscal, geralmente de janeiro a dezembro (12 meses). No entanto, também pode ser elaborado mensalmente para fins administrativos ou trimestralmente para questões fiscais.

Independentemente do porte da empresa, basta subtrair os custos da receita.

Se a receita for maior do que as despesas, a empresa terá lucro. Caso contrário, terá prejuízo.

O DRE também serve para calcular o volume de vendas necessário para atingir o ponto de equilíbrio e cobrir todas as obrigações, como financiamentos ou investimentos.

Além disso, possibilita analisar os custos variáveis associados diretamente à venda ou prestação de serviços, bem como identificar todos os custos fixos, proporcionando uma visão abrangente do negócio.

Não se pode gerenciar o que não se controla, portanto, é crucial registrar e contabilizar todas as entradas e saídas de recursos da empresa.

Para que o empresário possa responder a essas questões e tomar decisões estratégicas, é fundamental compreender conceitos como:

Custo:

Refere-se a bens ou serviços consumidos para gerar receita e abrange tudo o que incide diretamente no preço de aquisição de um produto ou na prestação de um serviço, como energia elétrica, mão de obra, aluguel e combustível.

Investimento:

São valores despendidos que trarão benefícios futuros. Podem ser pagos à vista ou parcelados e têm o potencial de gerar receitas, e consequentemente, lucros, sendo chamados de ativos.

Exemplos incluem aquisição de bens como veículos e equipamentos.

Custos Fixos:

São aqueles que não sofrem alterações em seu valor, independentemente do aumento ou diminuição da produção.

Sua principal característica é a periodicidade, ocorrendo todos os meses. É importante ressaltar que esses custos ocorrem independentemente do faturamento.

Exemplos incluem energia, salários e aluguel.

Custos Variáveis: 

São aqueles que variam proporcionalmente de acordo com o nível de produção ou atividade.

Seus valores dependem diretamente das vendas em um determinado período. É crucial lembrar que esses custos só ocorrem quando há vendas.

Exemplos incluem CMV (Custo de Mercadoria Vendida), taxa de cartão de crédito e impostos.

Margem de Contribuição: 

Representa quanto cada produto vendido ou serviço prestado contribui para cobrir os custos fixos.

Em outras palavras, a venda de um produto não gera lucro, mas sim margem de contribuição.

Se a soma das margens de contribuição for maior do que a soma dos custos fixos, a empresa terá lucro.

FAVORITAR
Botão favoritar

Como Elaborar um DRE?

Uma estrutura resumida pode ser organizada da seguinte maneira:

  1. (+) RECEITA TOTAL

    • Venda à vista
    • Venda a prazo
  2. (-) CUSTOS VARIÁVEIS

    • CMV / CMA
    • Simples Nacional
    • Taxa de administração de cartões
  3. (=) MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO (1-2)

  4. (-) CUSTOS FIXOS

    • Salários
    • Encargos sociais sobre salários
    • Pró-labore
    • Contador
    • Energia/Água
    • Aluguel
    • Juros de antecipação de CR e DB
    • Manutenção de máquinas e prédio
    • Segurança
    • Telefone e internet
    • Vale transporte
  5. (=) RESULTADO OPERACIONAL LÍQUIDO (3-4)

  6. (-) Investimentos e Amortizações

  7. (=) RESULTADO FINAL (5-6-7)

FAVORITAR
Botão favoritar

DRE e Balanço Patrimonial

Além do balanço patrimonial, que oferece uma visão financeira da empresa, o demonstrativo de resultados pode ser usado para apresentar o resultado econômico.

Ou seja, enquanto este documento mostra as receitas e despesas, o Balanço Patrimonial apresenta os valores em caixa, bancos e outros recursos financeiros, demonstrando a situação patrimonial da empresa no período.

A utilização do demonstrativo de resultados na gestão da empresa permite:

  • Analisar a situação financeira da empresa para embasar decisões com base nos relatórios financeiros gerados.
  • Preparar-se para implementar a elaboração e análise regular de relatórios financeiros, facilitando a tomada de decisões.
  • Incorporar a análise financeira como parte rotineira do negócio.
  • Diagnosticar oportunidades de aprimoramento, a partir da elaboração e análise de relatórios financeiros, visando maximizar os resultados.
FAVORITAR
Botão favoritar

Saiba mais

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Estado do Amapá - Sebrae, apoia aos pequenos negócios.

Então, confira em nosso Portal outros assuntos que vão ajudar seu negócio a crescer ainda mais.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora