this is an h1

this is an h2

Tue May 16 01:22:51 BRT 2023
Empreendedorismo | EMPREENDEDOR
A IBT e a agenda da ONU para 2030

Indústria de base tecnológica (IBT) pode ser um importante fator na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável no Brasil.

· 31/03/2023 · Atualizado em 16/05/2023
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

Em setembro de 2015, a Organização das Nações Unidas (ONU) adotou os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma agenda sobre o desenvolvimento sustentável composta por 17 objetivos e 169 metas a serem atingidas até 2030.  

Nesta agenda, estão previstas ações mundiais nas áreas de erradicação da pobreza, segurança alimentar, agricultura, saúde, educação, igualdade de gênero, redução das desigualdades, energia, água e saneamento, padrões sustentáveis de produção e de consumo, mudança do clima, cidades sustentáveis, proteção e uso sustentável dos oceanos e dos ecossistemas terrestres, crescimento econômico inclusivo, infraestrutura e industrialização, entre outros. 

A erradicação da pobreza em todas as suas formas e em todos os seus lugares é uma das principais ODS. Conheça as principais metas.  

Meta 1.1 

  • Nações Unidas - Erradicar a pobreza extrema para todas as pessoas em todos os lugares, medida como pessoas vivendo com menos de US$ 1,25 por dia. 
  • Brasil - Erradicar a pobreza extrema para todas as pessoas em todos os lugares, medida como pessoas vivendo com menos de PPC$ 3,20 per capita/dia.  

Meta 1.2 

  • Nações Unidas - Reduzir pelo menos à metade a proporção de homens, mulheres e crianças, de todas as idades, que vivem na pobreza. 
  • Brasil - Reduzir à metade a proporção de homens, mulheres e crianças, de todas as idades, que vivem na pobreza, monetária e não monetária. 

Meta 1.3 

  • Nações Unidas - Implementar medidas e sistemas de proteção social adequados para todos, incluindo pisos, e atingir a cobertura substancial dos pobres e vulneráveis. 
  • Brasil - Assegurar a todos, em nível nacional, o acesso ao sistema de proteção social, garantindo a cobertura integral dos pobres e das pessoas em situação de vulnerabilidade. 

Meta 1.4 

  • Nações Unidas - Garantir que todos os homens e mulheres, particularmente os pobres e vulneráveis, tenham direitos iguais aos recursos econômicos, bem como o acesso a serviços básicos, propriedade e controle sobre a terra e outras formas de propriedade. 
  • Brasil - Garantir que todos os homens e mulheres, particularmente os pobres e as pessoas em situação de vulnerabilidade, tenham acesso a serviços sociais, infraestrutura básica, novas tecnologias e meios para produção, TICs, serviços financeiros e acesso equitativo à terra e aos recursos naturais.  

Meta 1.5 

  • Nações Unidas - Construir a resiliência dos pobres e daqueles em situação de vulnerabilidade e reduzir a exposição e vulnerabilidade destes a eventos extremos relacionados com o clima, choques e desastres econômicos, sociais e ambientais. 
  • Brasil - Construir a resiliência dos pobres e daqueles em situação de vulnerabilidade e reduzir a exposição e vulnerabilidade destes a eventos extremos relacionados com o clima, choques e desastres econômicos, sociais e ambientais.  

Meta 1.a 

  • Nações Unidas - Garantir uma mobilização significativa de recursos a partir de uma variedade de fontes para proporcionar meios adequados e previsíveis para que os países menos desenvolvidos implementem programas e políticas para acabar com a pobreza em todas as suas dimensões. 
  • Brasil - Garantir recursos para implementar programas e políticas para erradicar a pobreza extrema e combater a pobreza.  

Meta 1.b 

  • Nações Unidas - Criar marcos políticos sólidos em níveis nacional, regional e internacional, com base em estratégias de desenvolvimento a favor dos pobres e sensíveis a gênero, para apoiar investimentos acelerados na erradicação da pobreza. 
  • Brasil - Fortalecer marcos políticos e institucionais para garantir a efetividade e a sustentabilidade das ações de erradicação da pobreza.  

O papel da indústria de base tecnológica (IBT) 

A IBT pode desempenhar um papel fundamental para erradicar a pobreza no Brasil. A iniciativa e o papel inovador das IBTs podem contribuir de formas diversas para este objetivo, como por exemplo: 

  • Uma forma simples é as IBTs se relacionarem mais com o universo rural, comprando ou vendendo seus produtos e utilizando matérias-primas regionais para agregar valor aos produtos com elas obtidos. Isso garante o desenvolvimento regional, a criação de empregos e produtos de valor. 
  • As IBTs de diversos segmentos que se relacionam com o agro vêm desenvolvendo melhorias, visando a promover o respeito aos direitos humanos em toda cadeia de valor, construindo locais de trabalho diversos e inclusivos e investindo para alcançar a prosperidade compartilhada nas comunidades, o que também contribui para a erradicação da pobreza. 

Saiba mais:

Impacto da indústria de base tecnológica no ODS 3 - saúde e bem-estar

Papel das IBTs para ODS 2: fome zero e agricultura sustentável

FAVORITAR
Botão favoritar

 

Participe das comunidades temáticas Sebrae no Telegram.



O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora