this is an h1

this is an h2

Mon Sep 05 17:29:31 BRT 2022
Empreendedorismo | ABERTURA DE EMPRESA
Black Friday: aprenda as melhores estratégias para criar promoções

Saiba como preparar o seu negócio para a Black Friday e aproveite as dicas para aumentar as vendas e os resultados da sua empresa.

· 26/08/2022 · Atualizado em 05/09/2022
Imagem de destaque do artigo
FAVORITAR
Botão favoritar

A partir do mês de novembro, muitas lojas em todo o mundo começam a celebrar a Black Friday. A data que surgiu nos Estados Unidos, um dia após o feriado de Ação de Graças, ganhou fama e há décadas atrai os consumidores a fazerem aquela comprinha tão desejada. A data é escolhida pelo comércio para conceder uma série de vantagens e descontos para aquecer as vendas de final do ano.

O Sebrae, em parceria com a Serasa Experian, preparou um conteúdo repleto de dicas para que você que é empreendedor saiba como aproveitar a oportunidade e criar as suas promoções. No Brasil, a Black Friday 2022 será celebrada no dia 25 de novembro.

Preparação e planejamento

Os clientes aguardam ansiosos pela Black Friday, pois é o momento oportuno para comprarem produtos de seu interesse com o valor reduzido. E os números falam por si, em 2021, de acordo com um levantamento da empresa Neotrust, só o comércio eletrônico teve um faturamento de R$ 5,4 bilhões de reais.

A data é muito esperada não só pelos clientes, mas também por todo o comércio varejista, que encontra na Black Friday a grande chance de aumentar o seu faturamento.

Para alcançar um bom resultado de vendas é preciso um planejamento antecipado, tanto para a sua loja física, quanto para a virtual. Quanto antes você organizar a sua empresa para atender o volume de demanda, maior a possibilidade de obter êxito.

A primeira sugestão é realizar uma reunião com os colaboradores da sua empresa e listar todos os pontos que merecem uma atenção especial, como por exemplo: atendimento, preço, promoção, divulgação, entrega, estoque, entre outros.

Quais aspectos devo trabalhar em minha empresa para obter sucesso de vendas?

  1. Estoque – Prepare suas mercadorias com antecedência para realizar suas vendas. Estipule uma quantidade de produtos para comercializar e faça a reposição do seu estoque com uma quantidade a mais para evitar ficar sem mercadoria. Ao falar de estoque é impossível não falar de produto, preze pela qualidade de suas mercadorias e esteja atento a cada uma, de forma unitária. Datas como a Black Friday não são propícias para uma mudança brusca, como por exemplo, a troca de fornecedor. Estabeleça uma quantidade de produtos que seja satisfatória para as vendas da empresa e uma qualidade de produto que seja satisfatório para o seu cliente.
  2. Atendimento – É válido pensar em uma estrutura de atendimento especial para a Black Friday, uma vez que a procura costuma ser alta. Treinamentos de capacitação com os colaboradores da empresa podem facilitar a logística de funcionamento da loja física.  A depender do desconto, um sistema de fila por entrega de senhas ou qualquer dispositivo que facilite a experiência do consumidor que vai comprar presencialmente. Invista em uma decoração atrativa com placas de “sale” ou o percentual do desconto oferecido para chamar a atenção dos clientes. 
  3. Loja virtual – Uma das alternativas para otimizar o atendimento na semana da Black Friday é oferecer as vendas por meio da loja virtual também. O comércio eletrônico costuma ser muito procurado pela facilidade de comprar em qualquer lugar, desde que tenha acesso à internet.

Para não ter ocorrências de problema com a sua loja virtual, é indicado possuir um software no site ou plataforma de vendas, que seja capaz de suportar muitos acessos simultâneos. O usuário das suas plataformas virtuais precisa ter facilidade no processo de compra, então é importante que as informações dos produtos sejam bem claras. Tamanho do produto, cor, valor, prazo de entrega e demais informações relacionadas precisam estar presentes na plataforma. Outra dica é tornar o acesso atraente ao usuário, que haja uma combinação de cores que conversem com o layout do site ou das publicações estratégicas nas redes sociais. O visual é uma ferramenta da campanha de marketing desenvolvida para a Black Friday na sua empresa.

  • Pagamento – Tanto no presencial, quanto no virtual, para atrair o maior número de clientes ofereça diversas possibilidades de pagamento, como: cartões de crédito e débito, boleto, pix, dinheiro em espécie. Não se atenha apenas a um método. 

Caso você como empreendedor possua a preferência por um método específico, seja estratégico, ofereça um percentual de desconto para aquela forma de pagamento. 

  • Entregas – Além da opção de retirada na loja, que é muito prática, se certifique das opções de entrega da sua loja virtual. Convencer o cliente a fechar o carrinho tem a ver também com o prazo de entrega e o custo do frete. Para isso, a escolha da sua transportadora é fundamental. 

Para garantir ainda mais segurança a quem está do outro lado da tela no processo de compra, ofereça opções de rastreamento no transporte e entrega. O Correios, por exemplo, disponibiliza o sistema de rastreio a partir do código do produto. 

  • Suporte – Nada pior para o cliente do que efetivar uma compra (no site ou na loja física), ter um contratempo com a sua aquisição e não conseguir contatar a loja para resolver.  Por isso, ofereça suporte ao cliente não apenas no momento da compra, mas em todo o pós-compra. Valorize os feedbacks e tenha uma plataforma de comunicação ágil para atender as necessidades do seu cliente. 

A escuta acolhedora, bem como o suporte para resolução de problemas e o envio de feedbacks do cliente, são positivos também para a imagem e confiabilidade do seu negócio. Saiba que os clientes conquistados na Black Friday, a depender do nível de satisfação com o atendimento na loja que comprou, tem grande possibilidade de vir a comprar novamente e indicar para amigos próximos.

Crie promoções inteligentes

Depois de todas essas dicas, chegou a hora de criar as suas ofertas e partir para as vendas! Antes de estipular as promoções e descontos, tenha um diagnóstico da situação financeira da sua empresa e dos resultados estimados com as vendas. Lembre-se que o intuito é faturar e obter lucro e não ficar no vermelho. 

Estude quais produtos a sua loja pode oferecer uma redução no valor, essa é com certeza uma das propostas mais interessantes ao consumidor. Mas além dela, existem também possibilidades como: frete grátis, “pague 1 e leve 2”, descontos a partir de compras em um determinado valor, concessão de brindes, cashback e muitos outros. 

Estude o que é atrativo para o mercado sem se esquecer que o faturamento da sua empresa deve estar na lista de prioridades.  O sucesso não acontece por acaso. Prepare-se adequadamente para a Black Friday e colha os resultados que você sempre sonhou! 

E então? Gostou do conteúdo do Sebrae sobre a Black Friday em parceria com a Serasa Experian? Então não deixe de acessar o nosso portal, nele você encontra artigos sobre como vender mais na Black Friday, como impulsionar as vendas online e uma série de sugestões para melhorar o atendimento ao cliente

Sebrae e Serasa Experian, uma parceria de sucesso, apoiando os empresários de pequenos negócios.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

FAVORITAR
Botão favoritar
Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora